sexta-feira, 22 de janeiro de 2010

10 Passos para uma Alimentação saudável para Crianças menores de 2 Anos!


Olá pessoal!
Segue algumas orientações (MS) sobre a alimentação de crianças, pois quem tem crianças em casa, ainda mais tão pequeninas assim (menores de dois anos), sabe como é complicado cumprir essa tarefa sem cometer alguns pecados....
Bom, espero que auxilie os interessados!
Bjs: Manu.

PASSO 1 – Dar somente leite materno até os 6meses, sem oferecer água, chás ou quaisquer outros alimentos.
PASSO 2– A partir dos 6meses, oferecer, de forma lenta e gradual, ou­tros alimentos, mantendo o leite materno até os 2anos de idade ou mais.
PASSO 3– A partir dos 6meses, dar alimentos complementares (cereais, tubérculos, carnes, leguminosas, frutas e legumes) no mínimo três vezes ao dia.
PASSO 4– A alimentação complementar deve ser oferecida de acordo com os horários de refeição da família, em intervalos regulares e de forma a respeitar o apetite da criança.
PASSO 5– A alimentação complementar deve ser espessa desde o início e oferecida de colher; começar com consistência pastosa (papas /purês) e, gradativamente, aumentar a sua consistência até chegar à alimentação da família.
PASSO 6– Oferecer à criança diferentes alimentos ao dia. Uma ali­mentação variada é uma alimentação colorida.
PASSO 7 – Estimular o consumo diário de frutas, verduras e legumes nas refeições.
PASSO 8– Evitar açúcar, café, enlatados, frituras, refrigerantes, balas, salgadinhos e outras guloseimas nos primeiros anos de vida. Usar sal com moderação.
PASSO 9 – Cuidar da higiene no preparo e manuseio dos alimentos; garantir armazenamento e conservação adequados.
PASSO 10 – Estimular a criança doente e convalescente a se alimen­tar, oferecendo sua alimentação habitual e seus alimentos preferidos, respeitando a sua aceitação.


Fonte: MS, 2007.

segunda-feira, 11 de janeiro de 2010

Aleitamento materno: um gesto de carinho e proteção!




A amamentação é considerada a melhor escolha feita pela mãe para alimentar o seu bebê. O leite materno proporciona vínculo, afeto, proteção e nutrição para a criança.

Amamentar envolve o contato direto entre mãe e filho, influenciando no estado nutricional do bebê, bem como no seu desenvolvimento físico e emocional, além de implicar diretamente na saúde materna.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) e o Ministério da Saúde (MS) recomendam que a amamentação seja exclusiva até os 6 meses (sem a introdução de chás, água, sucos ou outro tipo de leite) e complementada até os 2 anos ou mais.
A amamentação traz benefícios tanto para a mãe quanto para o bebê.

Benefícios para o BEBÊ
1. Oferece todos os nutrientes na quantidade exata;
2. Funciona como uma vacina;
3. Diminui a mortalidade;
4. Evita a diarréia;
5. Evita a infecção respiratória;
6. Diminui o risco de diabetes e obesidade ao longo dos anos.

Benefícios para a MÃE
1. Reduz o peso mais rapidamente após o parto;
2. Auxilia o útero a recuperar o seu tamanho normal;
3. Diminui o risco de câncer de mama e de diabetes;
4. Estabelece vínculo afetivo com o bebê.

Amamente o seu filho: Proporcione a ele saúde e bem estar para a vida inteira!


Créditos: Francielle Arruda Rampeloti e CIA...

sexta-feira, 8 de janeiro de 2010

O que é IMC?



Olá pessoal!

Como o objetivo deste blog é informação sobre alimentação e qualidade de vida (além de outras informações relevantes) achei interessante disponibilizar uma calculadora para IMC, que está no canto direito do blog logo acima, é bem fácil de utilizar.
Gostaria então de deixar aqui uma breve explicação sobre o que é o IMC, como ele é calculado, qual seu objetivo e como saber em qual classificação você se encontra após obter seu resultado. Ok! Vamos ao que interessa então.
O IMC (índice de Massa Corpórea) é uma das ferramentas utilizadas para avaliar o estado nutricional do indivíduo. Este índice (IMC) é estimado pela relação entre o peso e a estatura, e expresso em kg/m², ou seja, é calculado pela divisão do peso (em quilogramas) pela estatura ao quadrado ex:um adulto com 60kg ÷ 161cm² logo 60kg ÷ 2,5921 = 23,15(resultado).
O valor encontrado indica se o seu peso está adequado a sua altura. O resultado obtido deve ser comparado com a tabela de classificação do estado nutricional de Adultos

< 18,5 kg/m² Baixo peso
≥ 18,5 e < 25 kg/m² Eutrófico (normal)
≥ 25 e < 30 kg/m² Sobrepeso
≥ 30 kg/m² Obesidade

WHO - World Health Organization, 1995

Cada faixa etária tem uma tabela de classificação diferente, sendo uma para adultos (acima), uma para idosos, uma para crianças e uma para adolescentes, além dessas também existe uma tabela para o acompanhamento nutricional da gestante.
Lembrando que a avaliação do estado nutricional através do IMC de crianças e adolescentes é um pouco mais complicada, o resultado obtido através do IMC deve ser lançado nas curvas de crescimento para então obter outro resultado e depois avaliar pela tabela de percentil a qual apresentará então um resultado adequado.
Essas avaliações do estado nutricional devem ser feitas por profissionais com prática e responsabilidade, a fim de apresentar um diagnóstico confiável.
Obs.: O IMC não é o único parâmetro utilizado para avaliar o estado nutricional do indivíduo, existem outros como: exame físico, exames bioquímicos, antropometria completa, etc.
Espero que tenham gostado!
Qualquer dúvida é só escrever que tentarei responder com prazer!

Fonte: Protocolo do SISVAN. Disponível em: http://nutricao.saude.gov.br/documentos/protocolo_sisvan.pdf
Acesso em: 08 jan. 2010

quinta-feira, 7 de janeiro de 2010

Poema do Nutricionista!



Nutricionista não se apaixona...
Sofre reações químicas e alimenta sentimentos.
Nutricionista não tem foguinho...
Tem fogão.
Nutricionista não faz exercício...
Queima calorias.
Nutricionista não bebe...
Lesa os hepatócitos.
Nutricionista não facilita discussões...
Catalisa substratos.
Nutricionista não admite algo sem resposta...
Analisa o hereditário.
Nutricionista não fala...
Coordena vibrações nas pregas vocais.
Nutricionista não pensa...
Faz sinapses.
Nutricionista não come doce...
Ingere CHO de alto índice glicêmico.
Nutricionista não lava louça...
Higieniza utensílios.
Nutricionista não faz comida...
Ensina a comer.
Nutricionista não tem dor de estômago...
Tem desconforto gástrico.
Nutricionista não menstrua...
Tem descamação endotelial.
Nutricionista não toma remédio...
Utiliza fármacos.
Nutricionista não tem desejos absurdos na gravidez...
Tem picamalácia.
Nutricionista não tem IMC normal...
É eutrófica.
Nutricionista não é universitária...
É profissional em treinamento...

quarta-feira, 6 de janeiro de 2010

Feliz 2010!!!


Oi pessoal!

Quero desejar a todos um 2010 maravilhoso, de realizações, com muita Paz, Saúde e Felicidades!!!

Beijocas.

Manu.
ALERTA!




Este é um blog informativo.

Antes de qualquer dieta, consulte um profissional

nutricionista.